Blog

NATAL - Festa de Avivamento Espiritual

Postagem enviada em

“...apareceu com o anjo uma multidão dos exércitos celestiais, louvando a Deus e dizendo: Glória a Deus nas alturas, paz na terra, boa vontade para com os homens! E aconteceu que, ausentando-se deles os anjos para o céu, disseram os pastores uns aos outros: Vamos, pois, até Belém e vejamos isso que aconteceu e que o Senhor nos fez saber”. (Lc 2.13-15)

A literatura e a história secular afirmam que até o quarto século da era cristã não havia celebração do natal de Jesus, mas, com a oficialização do cristianismo, como religião oficial do estado, pelo imperador romano Constantino, a igreja começou a celebrar o natal com elementos pagãos, a fim de satisfazer os povos que abraçavam a nova religião.

Atualmente, o natal que a cristandade comemora no mundo inteiro, não é o natal de Jesus, pois que, seus elementos nada têm a ver com o verdadeiro natal da Bíblia. A árvore de natal é de origem germânica; as velas fazem parte de um ritual dedicado aos deuses pagãos; o presépio é um altar a Baal, consagrado desde a antiguidade babilônica. É um estímulo à idolatria. Papai Noel é um ídolo. Nós só temos um pai espiritual que é Deus. Não podemos receber Noel no lugar de Deus!

Portanto, dá para compreender que a festa do natal, não é cristã, mas totalmente pagã e, infelizmente, muitos cristãos estão se deixando enganar.

Ao ouvirem a mensagem proferida pelo anjo os pastores foram até onde estava o menino Jesus, viram, e voltaram glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinha ouvido e visto.

De igual forma os magos que vieram do oriente ao chegarem onde o menino Jesus estava, prostraram-se e O adoraram; e abrindo os seus tesouros lhe ofertaram dádivas: ouro, incenso e mirra.

O período das festas natalinas é uma excelente oportunidade que temos para anunciar as novas de grande alegria para todas as pessoas. Lembremos a todos os povos que Deus deu ao mundo o melhor presente, o seu Filho Unigênito, Jesus Cristo, que nasceu numa manjedoura, para nossa salvação, morreu numa cruz para nossa redenção, ao terceiro dia ressuscitou, para nossa justificação e em breve arrebatará a igreja para nossa glorificação.

O verdadeiro natal é uma festa de avivamento espiritual, de louvor a Deus, de adoração ao que vive para sempre, de alegria nos corações pela salvação em Jesus Cristo, de gratidão a Deus pela dádiva preciosa de Jesus ter vindo para nos trazer redenção.

Natal é tempo de andarmos no caminho mais excelente que é o amor e desfrutarmos a VIDA ABUNDANTE que só Jesus Cristo, o personagem principal desta festa, pode nos presentear.

“Para que todos sejam um”

Pr. Martim Alves da Silva

 

 

comments powered by Disqus

Agenda

Últimas imagens

Início Biografia Currículo Imagens Vídeos Família Contato